Palavras que fogem do peito... descem silenciosamente a escada, de um sentir... Maior. À superfície do olhar, a flor plantada... no jardim eterno da alma...


Palavras que me ofereceram num comentário e que me tocaram especialmente

8 comentários:

Trapezista disse...

Fico lisongeada por saber... que as minhas palavras pousaram em ti. :) As que li, as tuas, tocaram-me profundamente... Um beijinho, e força!... para continuares a presentear-nos com os teus sentires*

Trapezista

Delfim peixoto disse...

Uma pouca coisa de que deves gostar é que eu gostei não pouco de te ler

João Norte disse...

Muito bonito!..

Xinha disse...

"no jardim eterno da alma" - As palavras que te dedicaram, são de uma extrema beleza interior !

Xi-coração

Marta Vasil disse...

Intensas palavras! Li, reli, reflecti e deliciei-me!

"Palavras que fogem do peito em silêncio" alguma vez hão-de ter voz, nem que seja apenas dentro de quem as deixou fugir.

Um beijo

MV

daniel disse...

Cleo

Julgo saber um pouco, do teu pensamento profundo, mas confesso, achei neste uma simplicidade, extremante bonita e elegante.
Beijinhos,
Daniel

ZezinhoMota disse...

A imagem e as palavras se encaixam...

Gostei muito de te ler...

Bom fim de semana.



ZezinhoMota

Baraújo disse...

sem duvida.. muito bonito...

e lindissima a imagem! UAU... adoro !

beijo terno