A beleza das coisas pode estar na simplicidade de um instante. Na magia de um abraço inocente e puro de uma criança, onde a ternura se funde com a felicidade que se espelha no seu olhar meigo. Talvez nem se aperceba da emoção que nos devolve e envolve...

Um comentário:

Malu disse...

Um espaço adorável com postagens ímpares.
Que delícia viajar pelas imagens e palavras deixadas aqui como partilha.
Abraços