Mesmo sendo de papel

Giram em torno do sol...

Gosto de coisas que me sorriam

Que me alegrem os dias...




5 comentários:

Nilson Barcelli disse...

Não te posso alegrar os dias... mas posso mandar-te um sorriso pendurado num beijinho...

Bom fim-de-semana.

Lorenzo Monsanto disse...

Assim é...

Bom fim de semana.

Dias disse...

:)

http://wwwjuvepereira.blogspot.com disse...

Está gira a tua citação e muito apropriada. Belíssima. Não só te guardo com honra, como também te guardo no coração. Mulher de tão sugestivas palavras é, não só, uma guerreira como também é mulher de nobre carácter. O poema, além de muito sensual, refere a razão primeiro do teu viver. Parábens. Adorei aqui ter estado. São cantos como este que enobrecem a alma de qualquer ser humano. Beijos

Manuela disse...

não importa de que são feitas...
apenas importa o que sentes quando as olhas...
eu gostei.
beijo